Encontro USP – Escola

São Paulo, 19 de janeiro de 2018.

Por convite da APEP (Associação de Professores da escola pública e sem fins lucrativos), o mestre Alcides de Lima e os babalorixás Patrício Araújo e Daniel Oguntobi falam de ancestralidade e formação de indivíduos.

Muitas histórias, mitos, cantigas e trocas de experiências entre educadores para a formação de uma consciência educacional sem preconceitos. Numa revisão dos processos pedagógicos e de transmissão de conhecimentos, forjada num olhar de resistência histórica do povo brasileiro, buscando diminuir as relações desiguais de poder dentro do processo educativo.

Capoeira resistência ancestral, 19.01.2018.

img_20180119_1239218402083077557-e1520793661962.jpg

Organização e palestrantes do Encontro de docentes. APEP, 19.01.2018.

Mesa de debates, 19.01.2018.

Valores civilizatórios afro-brasileiros, 19.01.2018.

Dança dos orixás. Iemanjá, a primeira educadora. Mito de criação Obaluaê, 19.01.2018.

Mestre Alcides de Lima apresenta o instrumento Cora, 19.01.2018.

Anúncios