SAUDADES SEM FIM

Me chamo Durval Antônio

Sou neto de Antônio Monteiro

Arrojo de tempestade

Trovão de mês de janeiro

Faísca de fogo certeiro

E assombro do mundo inteiro.

Nosso Mestre Durval

Encantamento que encantou

Saudades que ficou.

*17/03/1937

+18/02/2021

Mestre Durval do Coco, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s